fbpx

As férias escolares são o momento perfeito para se divertir, descansar, encontrar amigos, familiares… e aprender, por que não? Trata-se, aliás, de um excelente pretexto para fazer um curso de férias e ir além do que é ensinado nas salas de aula. Especialmente, no contexto moderno, esse “ir além” diz muito respeito à intensificação da literacia digital da criança ou do adolescente. 

Isso porque os recursos tecnológicos e digitais de hoje exigem que a pessoa saiba, desde cedo, não só usar os equipamentos e navegar na internet, mas entender a fundo como eles funcionam e as suas ferramentas. Assim, é fundamental procurar aprofundar esses que serão temas úteis no futuro profissional dos mais novos. 

Para perceber melhor as vantagens de aliar o tempo livre das férias com a aprendizagem que um curso nesse período pode trazer, continue a ler, pois também vai saber como escolher o melhor deles para o seu filho. 

Quais são as vantagens que um curso de férias pode proporcionar ao seu filho? 

Estar de férias da escola não significa que seu filho não deva aprender nada de novo. Pelo contrário, é nesse momento que ele vai poder absorver novos conhecimentos sem pressão. Isso favorece a aprendizagem. Além desse, há vários outros benefícios de um curso de férias. Conheça alguns deles. 

Aprender conteúdos diferentes dos ensinados na sala de aula 

Português, Matemática, Geografia, História, entre tantos outros, são conteúdos que normalmente o seu filho vai aprender na escola. Assim, variar um pouco o conhecimento e aprofundar outros novos é sempre válido. 

O descanso da sala de aula pode ser aproveitado para oferecer ao seu filho algo diferente. Esse tipo de curso permite isso, por ajudar a criança ou o adolescente a expandir horizontes. Quem sabe se não é assim que ele vai descobrir a profissão dos sonhos dele? 

Desenvolver novas competências 

Os conteúdos ensinados regularmente nas escolas infelizmente não ajudam na descoberta e prática de novas competências. Ao fazer um curso de férias, isso é possível. O seu filho pode aprender, por exemplo, a programar, criar jogos digitais, desenvolver aplicações, entre outras. 

Essas aptidões, aliás, serão de grande valia no futuro, já que têm sido muito requisitadas pelas empresas. Portanto, estamos a falar de desenvolver capacidades que não se restringem ao período do curso, tendo utilidade em longo prazo. 

Fazer novas amizades 

Além de todo conhecimento adquirido e competências desenvolvidas, o curso de férias também representa a possibilidade dseu filho fazer amizades. Isso pode, inclusive, fazê-lo interessar-se ainda mais pela experiência. 

Dessa forma, poderá expandir seu círculo de amigos, com o plus de partilhar e debater o que aprendeu no curso com os novos amigos. Portanto, as vantagens abrangem tanto o aspecto intelectual como o social. 

Que cursos ele pode fazer? 

Depois de perceber as vantagens de garantir um curso de férias às crianças e aos adolescentes, pode estar ainda com essa dúvida: afinal, que cursos o meu filho pode fazer? Há opções bastante inovadoras e das quais, com certeza, ele vai gostar. veja a seguir algumas delas. 

Minecraft 

Quem disse que um jogo não se pode transformar em aprendizagem? Esse é o espírito do curso de Minecraft, um passatempo adorado por muitas crianças e adolescentes. Indicado para a faixa etária de 7 a 14 anos, ensina como criar Mods, ou seja, as modificações que alteram o conteúdo do jogo. Também se utiliza a programação para personalizar cenários e personagens. 

Roblox 

Outro jogo que também se pode transformar num curso de férias e render muita aprendizagem é o Roblox. Ele consiste numa multiplataforma em que é possível criar mundos virtuais e projectar jogos. Nas aulas, seu filho vai aprender a criar personagens, cenários e diversos itens, utilizando o Roblox Studio. Assim, ele desenvolve a competência de criar outros jogos, estimulando a criatividade e o raciocínio. 

Desenvolvimento de jogos 

O jogo que seu filho costuma jogar nas horas livres provavelmente foi desenvolvido por profissionais especialistas no assunto. Aliás, trata-se de um ramo cada vez mais requisitado. Já pensou no seu filho a ser um deles? Pois, o curso de férias é uma oportunidade para apresentar esse mundo. Ideal para crianças e adolescentes de 7 a 14 anos, ele vai aprender a fazer isso através do Construct, uma plataforma de criação de Jogos 2D. É o máximo! 

Youtuber 

Antes, era apenas divulgação de vídeos de entretenimento. Hoje, tornou-se profissão, que, no entanto, não é ensinada nas escolas ou universidades. Porém, o sucesso de vários Youtuber’s faz com que as crianças de queiram tornar num. Pode investir nesse sonho. Para isso, há o curso de férias Youtuber, para o público de 8 a 14 anos, e Youtuber Pro, para adolescentes acima de 15 anos. O seu filho vai aprender conteúdos como: 

  • como criar o canal; 
  • noções sobre direitos de autor; 
  • introdução às técnicas de manutenção; 
  • criação de conteúdo. 
IoT Maker 

Se seu filho é muito criativo, permita que ele transmita essa criatividade durante as férias. Para isso, há o IoT Maker. Tem base no movimento Maker (faça você mesmo). O curso é indicado para a faixa etária dos 7 a 12 anos e reúne programação e robótica ligando objetos à nuvem com recursos electrónicos. 

Desenvolvimento de Aplicações 

As aplicações, hoje, têm muitos usos: interagir com pessoas, praticar actividades físicas, registar compromissos etc. E, para que cada um deles exista, foi necessário o desenvolvimento por um expert no assunto. O seu filho pode ser um deles e pode começar por um curso de férias. Ele é voltado para adolescentes de 15 anos ou mais e ensinará técnicas para criar aplicações através da programação. 

Sendo assim, as férias escolares não precisam ser um ócio completo. Elas podem e devem ser transformadas em oportunidade de obter novos conhecimentos que não são ensinados no ambiente escolar. São muitas vantagens para escolher actividades enriquecedoras para esse momento. 

Além disso, opções não faltam! São vários tipos de actividades, para diferentes faixas etárias, que exploram o que o contexto moderno tem exigido: compreensão apurada de recursos tecnológicos e digitais. É importante lembrar que, actualmente, programação é o “novo inglês”, ou seja, de aprendizagem quase obrigatória.

Basta saber escolher uma boa escola, que ofereça uma metodologia capaz de contribuir para o desenvolvimento da criança. Para tudo isso, inscrever seu filho num curso de férias significa preocupar-se com o futuro dele! 

Ficou interessado? Venha descobrir os cursos de férias da Happy Code! 

 Sobre a Happy Code

A Happy Code é uma escola de programação, tendo como missão formar pensadores e criadores do século XXI. Com uma metodologia de ensino baseada no conceito STEAM (“Science, Technology, Engineering, Arts and Math”), os cursos lecionados incidem sobre a programação de computadores, desenvolvimento de jogos e aplicações, robótica com drones, bem como produção e edição de vídeos para o YouTube.

Tendo como premissa de atuação os valores da responsabilidade, da confiança, da inovação e da consciência social, a Happy Code leciona os seus cursos em centros próprios ou em escolas, empresas, municípios, projetos sociais, centros de estudo, ATLs, entre outros, estando já presente em várias zonas de Portugal.
Para saberes mais, vê os nossos cursos e segue-nos:

 face   insta   twitter    pint